Electrodeposition Module

Para Modelar e Controlar Processos de Eletrodeposição

Electrodeposition Module

Galvanoplastia decorativa considerando a distribuição de corrente secundária com cinética total de Butler-Volmer tanto para o ânodo quanto para o cátodo. A espessura depositada sobre as partes da frente e de trás da peça é ilustrada.

Estude Todas as Características Importantes de suas Células de Eletrodeposição

As modelagens e simulações são métodos econômicos de compreender, otimizar e controlar os processos de eletrodeposição. Uma simulação típica produz a distribuição de corrente na superfície dos eletrodos e a espessura e a composição da camada depositada. As simulações são usadas para estudar parâmetros importantes como geometria de células, composição de eletrólitos, cinética das reações de eletrodos, tensões elétricas e correntes operacionais, bem como efeitos da temperatura. Com informações sobre esses parâmetros, você pode otimizar as condições operacionais das células eletroquímicas e a disposição e a concepção de máscaras, e garantir a qualidade de suas superfícies, ao mesmo tempo em que minimiza perdas de material e energia.

Relevante para um Conjunto de Diversas Aplicações Eletroquímicas

O Electrodeposition Module é adequado para uma ampla gama de aplicações, incluindo: deposição de metal para peças eletrônicas e elétricas; proteção contra corrosão e desgaste; galvanoplastia decorativa; eletroformação de peças com estruturas finas e complexas; água-forte; eletrousinagem; eletroextração e eletrorrefinamento. Com o Electrodeposition Module, você pode considerar todos os fenômenos envolvidos e simulá-los ao mesmo tempo. Mais especificamente, você pode acoplar as equações que descrevem o transporte e a conservação de corrente, o transporte de espécies químicas, o balanço de cargas e a cinética eletroquímica. Graças à possibilidade de levar em conta diversos fenômenos relevantes, você é capaz de obter estimativas precisas da qualidade, do formato e da espessura do depósito sobre a superfície dos eletrodos.

Ferramentas e interfaces físicas são disponibilizadas dentro do Electrodeposition Module para definir as características físicas do seu processo. Fórmulas predefinidas permitem que você modele efeitos de distribuição de corrente primária, secundária e terciária – geralmente excelentes indicadores do acabamento de superfície e da qualidade do produto do seu processo.

Decorative Plating

Electrochemical Impedance Spectroscopy

Copper Deposition in a Trench

Cyclic Voltammetry at an Electrode

Electrodeposition of a Microconnector Bump

Rotating Cylinder Hull Cell

Secondary Current Distribution in a Zinc Electrowinning Cell